Se precisar é só ligar:
Campina Grande

(83) 3310.6000
João Pessoa

(83) 3219.6000
3 passos simples para que suas unhas cresçam sem quebrar

Muitas mulheres tentam ter unhas compridas a todo custo, mas nunca conseguem. Mesmo com todo o cuidado para evitar a quebra e o desgaste, depois de certo comprimento, elas começam a descamar, se desfazendo nos cantinhos, enfraquecendo toda a unha e causando a quebra. Se esse é o seu caso, talvez você não esteja cuidando devidamente da saúde das suas unhas.

As unhas têm uma formação muito pobre em nutrientes, e, por isso, é necessário hidratá-las constantemente. A especialista listou quatro medidas simples, porém essenciais, para garantir que a unha se fortaleça e cresça com saúde, sem descamar ou quebrar.

 

1 - Deixe as unhas respirarem por 24 horas Quando ouvimos isso, pensamos que é besteira, mas a Dra. Eliane garante que não. ‘Retirar o esmalte um dia antes de ir à manicure permite que as unhas respirem e recuperem a hidratação’, diz. ‘O esmalte impermeabiliza e bloqueia a absorção de qualquer substância, o que pode tornar as unhas quebradiças e ressacadas’, explica. ‘Deixe as unhas 24 horas sem esmalte e aplique qualquer produto que ofereça hidratação, como cremes ou óleo de amêndoas’, indica.

 

2 - Unhas precisam de hidratação Muita gente não sabe, mas, além de higienizar as unhas, é necessário também hidratá-las. ‘Como a formação das unhas é extremamente pobre em nutrientes, é preciso aplicar cremes ou óleos com muita frequência’, ensina a dermatologista, salientando que a absorção só ocorre quando a unha está sem esmalte. ‘Quando as pacientes vêm ao consultório, recomendo algumas fórmulas manipuladas e também indico que passem óleo corporal sobre as unhas todas as noites. É uma solução prática, e você nem gasta muito’, indica.

 

3 - Cuidados com produtos de limpeza Dra. Eliane afirma que o contato direto com produtos de limpeza enfraquece as unhas e causa a descamação. Para evitar que isso ocorra, ela sugere uma solução muito simples: ‘Use luvas de borracha. Se mesmo assim o problema persistir, é importante consultar um dermatologista’, alerta.

 

Fonte: bolsademulher.com

FACEBOOK
Todos os direitos reservados - Farmácia Dias